sexta-feira, 18 de março de 2011

Pernas pro ar


o mundo de pernas pro ar
que loucura
que agonia
e eu feliz a dançar
voando como beija-flor
levitando feito pluma
em minha desejada alforria
tudo no seu devido lugar
a Terra girando
a lua sorrindo
poeta partindo
pra vida abraçar

4 comentários:

Du disse...

Pra começar, a imagem já me causou um impacto tremendo, é LINDA!!! E o poema? Pow... LINDO!!!

Tatiana Kielberman disse...

Adoro a idéia de abraçar o mundo de pernas pro ar!

Essa sou bem eu!!

Beijos, Flavinha!

Anônimo disse...

Amei esse poema. Beijos.

Anita disse...

Desculpa ter caido anonimo, eu esqueci como colocar postagem com nome do meu blog, faz muito tempo que fiz isso. Mesmo assim, adorei seu blog e poesia.