sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Desejos


Quero novamente


Trajar versos

Transpôr lonjuras
Distribuir risos

Ganhar as alturas



Soltar a imaginação
Pisar a grama macia
Escutar o coração
Entrar na tua sintonia


Esquecer essas dores
Afugentar a saudade
Ganhar novas cores
Sentir nos pés a liberdade



...



segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Contos Curtos






A caminho do amanhã, esqueceu-se de olhar a vista da janela do hoje. Passou em branco. Passado era...

......................................

Esperava o pôr-do-sol pra poder vê-lo passar. Anoitecendo em seu olhar, ele majestosamente desfilava em seus sonhos.

.........................................

E ela gestou, e ela pariu, e ela sorriu... mas quando deu-se por conta, percebeu que era um amor prematuro...


...........................................

Achava que deveria aguardar a primavera para florir. Mudou de idéia: suas mãos-pétalas não poderiam esperar.


..........................................

As letras se uniam e formavam palavras que pousavam nas folhas de árvores do caderno da menina. Lindos Rouxinóis cantavam.