quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Poeta ou Poesia?






Ei, escuta!

não sou eu quem escreve: as palavras que me lêem os versos me traduzem a poesia me compõe.

a caneta toma forma
dos meus dedos
o papel, da minha pele
a tinta me toma o sangue.

a tatuagem em meu dorso
os pássaros voando
o amor pousando
agora já sei:
sozinha se fez!

o que sou não importa
quantas sou já nem sei
quero entender
algum dia
porque assim me tornei

os risos
as lágrimas
os medos

a paixão
o tesão
e a ilusão

os gritos
os cantos
os silêncios

tudo em mim
se formou
me invadiu
sem aviso
sem pedido
sem perdão

tudo o que sou
toda poesia
toda prosa
toda dúvida
toda tristeza
toda alegria
toda leveza

eis-me a divagar
de onde surgi
quem é o poeta
o poema
o verso
a me criar


porque o que escrevo,
na verdade,
escreve em mim...

( ora, ora,
quanta pretensão!)






Um comentário:

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Penso que poesia
e poetas
não são dois caminhos
que se cruzam,
mas um mesmo caminho,
construído pela inspiração
que a nossa alma
deseja partilhar
com o mundo...

Desejo aos que amo, não bens materiais,
mas alegria...
A mais plena alegria...