segunda-feira, 12 de maio de 2014

Sem tradução










que contradição essa
de estar sempre com pressa
e, lentamente,
por entre os dedos,
me deixar escapar


em geral, 
não me passo à limpo
me concluo sem revisão
mas às vezes
tamanha é a confusão
que me edito
e contradigo


impulso
impaciência
intuição
coração
o que me define
não tem tradução

Nenhum comentário: